domingo, 15 de setembro de 2013

"mas num apartamento emprestado me sinto uma puta."





– Isso me humilha – disse ela.


– O que a humilha? – perguntei.


– Que você tenha pedido um apartamento emprestado. 


– Por que pedir um apartamento emprestado humilha você? 


– Porque existe nisso alguma coisa de humilhante.


– Não tínhamos outra opção.


– Sei disso – disse ela – , mas num apartamento emprestado me sinto uma puta.


– Deus meu! Por que estar em um apartamento emprestado faz você se sentir uma puta?  Em geral as putas exercem sua profissão a domicílio e não em apartamento emprestado.


Era bobagem enfrentar racionalmente a sólida barreira do irracional do que é constituída, como se diz, a alma feminina. Desde o começo nossa discussão se realizava sob maus auspícios.



(Milan Kundera - Risíveis Amores)

Nenhum comentário: